Veja os locais mais inusitados onde a Polícia já encontrou drogas

A criatividade dos suspeitos parece não ter limites

Nesta semana, um advogado foi notícia no Distrito Federal ao tentar entrar com maconha no presídio da Papuda. Ele fingiu que levava sabonetes aos presos, mas dentro dos produtos de higiene havia maconha. A droga foi colocada em buracos feitos nos produtos. O suspeito não estava entrando no presídio para fazer uma visita específica. No total, havia cem gramas da droga em posse do suspeito. Siga na galeria e veja outros lugares inusitados onde a polícia do DF já encontrou drogas escondidas.

Na semana passada, duas mulheres foram presas ao tentar entrar em um presídio com drogas escondidas nas partes íntimas. O caso aconteceu em Águas Lindas, região do Distrito Federal. À polícia, as duas disseram que entregariam as drogas para os maridos que estavam encarcerados.

Mas essa não tinha sido a primeira vez que isso aconteceu. No mesmo presídio, em Águas Lindas de Goiás, no Entorno do DF, outras duas mulheres tentaram entrar com drogas escondidas nas partes íntimas e acabaram na cadeia. Elas também disseram que a maconha seria entregue aos maridos.

Em Valparaíso (GO), região do Entorno do Distrito Federal, a Polícia Militar prendeu dois homens que vendiam drogas escondidas em chocolates. Durante o depoimento, os suspeitos disseram que eram apenas vendedores de doces e que a droga era para uso próprio

Um jovem de 21 anos escondia drogas em uma poltrona e acabou sendo preso em flagrante. Segundo a polícia, Joseclan da Silva é suspeito de vender drogas na Feira do Produtor no Sol Nascente, em Ceilândia (DF). Com o suspeito, policiais apreenderam uma pistola e maconha.

Postar um comentário

0 Comentários