Priorizar fornecedores locais é um dos pilares da sustentabilidade no mercado imobiliário

Preferência por fornecedores locais na construção civil contribui para sustentabilidade do segmento (Foto: Divulgação)

Estabelecer vínculos fortes com parceiros próximos estimula a economia local e traz vantagens no custo de aquisição dos insumos

Empresas que querem estimular a economia e contribuir para o desenvolvimento da região em que atuam encontram na valorização de fornecedores e parceiros próximos uma maneira sustentável de fortalecer toda a cadeia produtiva local. Além disso, essa prática traz vantagens logísticas que influenciam diretamente no custo de aquisição de materiais, e ainda permite a troca de conhecimentos e tecnologia.

A Consciente Construtora, que atua há quase 40 anos em Goiânia, reconhece a valorização dos fornecedores locais como um dos pilares de sua política de sustentabilidade. Além de ter acesso facilitado a insumos e suprimentos utilizados rotineiramente nas atividades do segmento, a construtora acaba por incentivar a economia da região, fomentando o desenvolvimento de parceiros próximos, e também estabelece práticas sustentáveis, reduzindo as distâncias, o uso de combustíveis no transporte terrestre e gastos logísticos.

Em seu relatório de sustentabilidade publicado em 2020, a Consciente Construtora apontou que mais de 66% do orçamento do ano anterior foram gastos com fornecedores locais. O engenheiro civil Humberto Dutra Borges, gerente da área de suprimentos da Consciente, destaca os ganhos econômicos com esta longa tradição da empresa e também ressalta a importância para o setor produtivo local como um todo.

“A preferência é sempre por fornecedores locais. Com isso, ajudamos a impulsionar o desenvolvimento local, gerando emprego e renda, além de custos mais acessíveis. Essa prática contribui para o desenvolvimento tecnológico regional, incentivando os fornecedores locais a buscar novas tecnologias, e também a investir em um quadro de profissionais mais capacitados, para conseguir concorrer com outras empresas de fora”, ressalta Humberto.

Outra vantagem da preferência por fornecedores locais está na redução do custo de deslocamento e hospedagem de equipes, já que a negociação é facilitada pela proximidade. Entre os principais insumos adquiridos, estão concreto, madeira, cimento, areia e aço. Segundo Humberto Dutra Borges, a Consciente exige dos parceiros próximos o mesmo patamar de qualidade e comprometimento esperado de fornecedores nacionais.

“Os padrões de qualidades de todos os serviços e insumos são checados, e também fazemos o acompanhamento junto aos prestadores de serviço e fornecedores, para garantir que todas as etapas de produção estejam cumprindo os requisitos legais, tanto no que se refere às licenças para funcionamento e pagamento de tributos, quanto à não utilização de trabalho análogo à escravidão e mão de obra infantil”, afirma o gerente de suprimentos.
 
Além de estimular a economia local, priorizar fornecedores locais traz vantagens no custo de aquisição dos insumos (Foto: Divulgação)

Do lado dos fornecedores, o balanço da parceria também é positivo. O engenheiro civil Bernardo Brasil de Aquino Porto, diretor comercial da Realmix Concreto, conta que a parceria de quase 30 anos entre as duas empresas foi se consolidando obra após obra. A confiança gerada ao longo de tanto tempo possibilitou que a Realmix investisse na compra de equipamentos para atender a demandas específicas da Consciente. Para acompanhar a preocupação ecológica da Consciente, a Realmix também se viu estimulada a buscar práticas sustentáveis em seus processos produtivos.

“A Realmix sempre valorizou muito as parcerias duradouras em nossos negócios. Nós buscamos sempre a seriedade e a transparência em nosso serviço, algo que a Consciente sempre exigiu de seus parceiros. Vimos a Consciente crescer e crescemos juntos com ela, inclusive acompanhando a vertente de sustentabilidade e a preocupação ambiental que a Consciente adquiriu ao longo do tempo”, ressalta Bernardo.

Outro fornecedor de longa data da Consciente Construtora é a Votorantim Cimentos, empresa de porte nacional que possui regionais espalhadas por todo o Brasil. Segundo Mauricio Nery, coordenador comercial para o setor imobiliário na Região Centro-Norte da Votorantim Cimentos, a empresa exerce um grande impacto socioeconômico nas regiões onde atua, e por isso desenvolve uma visão de mercado também voltada ao fortalecimento de parceiros locais.

“Quando falamos especialmente no mercado de Goiás e Distrito Federal, temos duas fábricas estrategicamente posicionadas: uma na cidade de Sobradinho (DF) e outra no município de Edealina (GO). São unidades produtoras de cimento e argamassas que empregam mais de 400 pessoas. Na região de Goiânia, ainda contamos com um centro de distribuição em Aparecida de Goiânia, que também faz o abastecimento da região Metropolitana de Brasília”, explica Mauricio.

O coordenador comercial para o setor imobiliário na Região Centro-Norte da Votorantim Cimentos acredita que a atuação por meio de fábricas e centros de distribuição regionais permite à empresa uma grande capilaridade no mercado local e facilita a logística para clientes como a Consciente Construtora. Entre as vantagens listadas por Mauricio, estão o barateamento dos custos de transporte e a flexibilização dos prazos de entrega.

“Um grande desafio no transporte de nossos produtos é a predominância do modal rodoviário do Brasil, com cada vez mais veículos em trânsito, falta de manutenção das vias e elevados custos operacionais. Nossas fábricas e centros de distribuição facilitam e agilizam a logística de entrega diretamente nas obras dos nossos clientes, com o abastecimento do nosso portfólio de produtos ensacados: cimentos, argamassas básicas , argamassas colantes e rejuntes”, ressalta Mauricio.
 
Consciente Construtora estabelece fortes vínculos com fornecedores locais há décadas (Foto: Divulgação)