Portal da Transparência terá dados da arrecadação

A partir de março, aqueles que acessarem o site da Secretaria da Fazenda para consultar o Relatório de Arrecadação Estadual – disponível na página principal – serão automaticamente remetidos à página do Portal da Transparência do Governo de Goiás

Aqueles que acessarem o site da Secretaria da Fazenda para consultar o Relatório de Arrecadação Estadual – disponível na página principal – serão automaticamente remetidos à página do Portal da Transparência do Governo de Goiás

O portal apresenta informações mais completas e detalhadas da arrecadação estadual, com gráficos e relatórios que demonstram sua evolução ao longo dos últimos dez anos. A mudança também faz parte da política de ampliação da transparência das ações do governo.

Além de apresentar mais dados, o campo da Receita Estadual do Portal da Transparência ainda oferece opção de pesquisa. Nela, são apresentados menus da Visão Geral da receita anual líquida, que mostra sua evolução, especifica as origens das receitas e traz comparativo anual detalhado das receitas previstas e realizadas de cada órgão, ano a ano.

Outro menu oferece informações sobre o grupo Impostos, onde é possível pesquisar a arrecadação por cada tributo: o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), o Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCD) e as transferências. As informações são disponibilizadas ano a ano e, ainda, mês a mês.

Alteração
Até então, os dados da receita disponibilizados no site da Sefaz tinham como base apenas o Sistema de Arrecadação Estadual (Sare), que gerencia somente as receitas arrecadas pelos órgãos da administração publicadas recolhidas por meio do Documento de Arrecadação Estadual (Dare), que é a maioria.

Já no Portal da Transparência, os dados são apresentados utilizando o Sistema de Contabilidade Pública (SCP) e o Sistema de Elaboração Orçamentária (SEO), que envolvem todas as receitas arrecadadas da administração pública estadual, inclusive de órgãos como Ipasgo e Detran, e também de outros Poderes.