Se quiser, Leda Borges é prefeita eleita em Valparaíso!


*Por Marcelo Carlos da Silva

Desde o início de 2015, eu tenho observado o trabalho de cada vereador em Valparaíso de Goiás, vou a reuniões políticas para testemunhar o que todas as figuras públicas planejam para a nossa cidade. Analiso diariamente as atitudes daqueles que ao longo do tempo pularam de galho em galho. Falo daqueles que caminharam com Zé Valdécio, Juarez Sarmento, e etc. Daqueles que traíram Leda Borges (PSDB) e que hoje estão caminhando com a atual prefeita Lucimar (PT). Amigos eu quero falar, digo abertamente para vocês que não existirá uma grande mudança tão cedo no quadro político valparaisense. Não vejo um futuro diferente para Valparaíso, os mesmos grupos estarão novamente à frente da Prefeitura Municipal em 2017. Arrisco a dizer que a coisa está feia para o PT, e que a tendência é que seja eleito o candidato que venha a receber o amém de Leda Borges, ex-prefeita, deputada licenciada, e atual Secretária do Governo de Goiás. Hoje, é ela quem dita os rumos da política tucana no Entorno de Brasília.

A senhora Leda Borges, conseguiu força durante toda a sua vida pública, a Secretária ganhou o respeito necessário para poder escolher quem a substituirá na nossa cidade, é ela quem dará as cartas no próximo pleito eleitoral. Seja como candidata ou apoiando outro nome. Conversando com pessoas próximas a Secretária da Mulher, do Desenvolvimento Social, da Igualdade Racial, dos Direitos Humanos e do Trabalho, vejo que ela chega a ser venerada e que seu nome é unanimidade entre os valparaisenses, os populares querem a volta de Lêda Borges á Prefeitura do município. A ex-prefeita deixou saudades em seus eleitores, e muitos petistas temem que a mulher de confiança do governador no Entorno, seja sim candidata à prefeita nas próximas eleições.

Hoje, segundo o deputado federal, Célio Silveira (PSDB), chega a quase 90% o grau de rejeição da atual prefeita Lucimar Conceição (PT). Esses números trazem esperança para os psdebistas, que aguardam ansiosamente por uma resposta de pesquisas. Muitos dos meus amigos ligados ao PSDB de Valparaíso, já afirmaram, que o candidato a prefeito e seu vice sairá dos seguintes nomes: Joaquim Do Monte, ex-vereador e também ex-Secretário de Administração e Finanças do Governo Leda em 2008, Pábio Mossóro (PSDB), vereador e líder tucano no município, Dr. Marcus Vinícius (PT do B), advogado, vereador e um jovem com o futuro promissor, e Afrânio Pimentel (PR), vereador e ex-presidente da CMVG. Destes nomes citados o que eu mais conheço, é o primeiro, inclusive o mesmo já recebeu o apoio da minha família em outras eleições, creio que seja um nome forte, mas que não receberá o apoio das demais lideranças numa possível pré-candidatura à Prefeitura. Entre os nomes dos vereadores citados, o que pode chegar a surpreender é o de Marcus Vinícius, jovem liderança que vem ganhando força, no entanto penso que seja muito cedo para lança-lo a prefeito. Pode ser que com muito investimento em campanha, o jovem do PT do B surpreenda, também é possível que as demais opções emplaquem, mas na minha visão seria uma aposta muito arriscada para um partido que quer recuperar o domínio no Entorno do Distrito Federal. Será que eles receberiam o mesmo apoio vindo das ruas que Lêda? O certo é que o PSDB de Marconi Perillo não trabalha com o incerto.

Especula-se que o candidato desse grupo precise de no mínimo R$ 7 milhões para investir numa campanha de 3 meses. Mas eu ainda continuo com o pé atrás, acredito que o dinheiro não seja suficiente para comover tanto as pessoas a tirar o poder das mãos do Partido dos Trabalhadores. Se as eleições fossem amanhã, Leda Borges seria eleita Prefeita de Valparaíso com mais de 60% dos votos. Tarefa que não seria fácil para outro nome. Não pensem que o PT desta cidade está morto, a história mostra que o partido do ex-presidente Lula é forte quando vai para as ruas, sua militância é a melhor e mais preparada para reverter situações adversas. Dar um tiro no escuro seria algo impensável para o PSDB de Goiás, os tucanos não são como a esquerda. Eles não fazem apostas e tratam a política com profissionalismo. Ainda é cedo para dizer quem baterá de frente com Lucimar Conceição em Valparaíso. Mas é a hora certa para afirmar que o poder continuará nas mãos de PT ou PSDB, e que se Leda Borges quiser, ela já é prefeita eleita na nossa cidade com muita facilidade.

* Os artigos aqui publicados são de autoria do colunista e não refletem, necessariamente, a linha editorial do blog.

Postar um comentário

0 Comentários